quinta-feira, 15 de setembro de 2011 | 20:40 | 0 Comments

Haddad é recebido com vaias na USP

O ministro da Educação, Fernando Haddad, foi recebido com vaias na Faculdade DE Educação da USP, onde participou de um debate sobre o Plano Nacional de Educação (PNE).
A principal reivindicação dos participantes foi para que o governo aumente de 7% para 10% o percentual do PIB previsto para gastos com a educação. No plano atual – em trâmite no Congresso são previstos 7%. “Para resolver todos os problemas, mesmo os 10% são poucos. Mas garantir os 7% é um avanço”, disse.
Os estudantes criticaram a situação de abandono de algumas universidades federais, que funcionam em prédios adaptados e sem professores suficientes. “Um país que só tem 3% de sua população na universidade não pode esperar que um campus funcione”, respondeu Haddad.
Também apontou uma suposta falta de autonomia da USP. “Na eleição dos reitores, sempre respeitamos a comunidade acadêmica e escolhemos o primeiro da lista”, afirmou, em referência a João Grandino Rodas, reitor da USP, que foi o segundo nome da lista. - JT-14997